Quinta-feira, 11 de Março de 2010
Todos os dias
Eu olho para as minhas cicatrizes e penso
Sobrevivi
E fico feliz por estar aqui
Como poderia estar em qualquer lugar do mundo
E seria um vencedor

Molhei minhas estradas de lágrimas
O menino amadureceu a ferro e fogo
Mas eu olho as minhas cicatrizes como um mapa de vitórias
E agradeço a Deus por estar vivo
E porque Rosangela me ensinou a ser melhor quando testado
Pois a vida é um estoque de planos de resistências e nós permanecemos limpos
Na geografia da alma e da luz
Silas Correa Leite
Estado de São Paulo, Brasil


publicado por Do-verbo às 06:25
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Registo de mim através de textos em verso e prosa.
mais sobre mim
blogs SAPO
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10

15
16
17
18
20

21
22
24
26
27

28
29
30
31


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds