Sexta-feira, 22 de Abril de 2011



 

 

Os fastos e as misérias

assombram a falésia

com sonhos descarnados

 

A branda maresia acaricia

o desencanto imóvel

 

No tempo das desoras

doendo a nostalgia

na angústia das palavras

à deriva

 

 

José-Augusto de Carvalho





Viana*Évora*Portugal




publicado por Do-verbo às 02:04
Registo de mim através de textos em verso e prosa.
mais sobre mim
blogs SAPO
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

19
23

24
25
26


pesquisar neste blog